Empresa pede atenção de Colombo para entrave na construção da policlínica

By Macodesc | Initial | Posted at 09:18
Matéria veiculada no Jornal Gazeta Catarinense, edição de 15/10/14

Foto: Marcelo Both

 

Macodesc, vencedora da licitação para construção da Policlínica junto ao Hospital Regional de São Miguel do Oeste, tem dificuldades para comprovar a capacidade de executar algumas peculiaridades da obra, mesmo já tendo desempenhado os serviços em outros projetos executados na região.

Elias Lunardi, diretor administrativo da empresa Macodesc, construtora vencedora da licitação para construção da Policlínica junto ao Hospital Regional de São Miguel do Oeste, aproveitou a vinda do governador João Raimundo Colombo à região Extremo-oeste para pedir a atenção do chefe do executivo estadual para um imbróglio que vem impedindo que a obra saia do papel. O pedido, com base em documentos, foi entregue na manhã de segunda-feira, dia 13, quando Colombo manteve reunião política com prefeitos da região em São Miguel do Oeste.

De acordo com Lunardi, nos documentos consta o embasamento sobre a aptidão da empresa para executar a obra. Ele explica que a Macodesc foi a única empresa a participar e venceu o processo licitatório realizado no dia 9 de junho, porém, não vem conseguindo comprovar a aptidão para executar algumas peculiaridades previstas no edital da obra hospitalar, caso da execução de piso vinílico e proteção radiológica, que é um revestimento especial feito em salas de Raio-X.

Conforme Lunardi, a Macodesc não quer tratamento diferenciado, mas entende que tecnicamente é possível comprovar a aptidão da empresa e lembrou de que a construtora já executou os serviços questionados em outras obras hospitalares na região. Ele entende que a Secretária Estadual de Saúde poderia enviar uma equipe para verificar o trabalho já feito pela empresa em outros hospitais e clínicas e assim evitar um novo processo licitatório.

Colombo disse não ter conhecimento do entrave e que dará atenção ao caso, pois o dinheiro já está na conta e a comunidade tem necessidade de que o serviço seja disponibilizado o mais rápido possível.

 

Fonte: Gazeta Catarinense, 15/out/2014

Texto e foto: Marcelo Both

© 2016 MACODESC Construtora e Incorporadora. All Rights Reserved - Design by Tatticas - Developed by DBlinks